domingo, 14 de junho de 2009

Os Três Grandes Julgamentos (III)

O ÚLTIMO JULGAMENTO DO TRONO BRANCO - O JUÍZO FINAL

Introdução - Satanás será preso por mil anos para não pertubar mais as nações que reinarão com Cristo (o Messias) e com Israel durante o milênio, como está escrito, assim:
Ap 20.1-3, 1E vi descer do céu um anjo que tinha a chave do abismo e uma grande cadeia na sua mão. 2Ele prendeu o dragão, a antiga serpente, que é o diabo e Satanás, e amarrou-o por mil anos. 3E lançou-o no abismo, e ali o encerrou, e pôs selo sobre ele, para que mais não engane as nações, até que os mil anos se acabem. E depois importa que seja solto por um pouco de tempo. (...) Ap 20.7-10, 7E, acabando-se os mil anos, Satanás será solto da sua prisão 8e sairá a enganar as nações que estão sobre os quatro cantos da terra, Gogue e Magogue, cujo número é como a areia do mar, para as ajuntar em batalha. 9E subiram sobre a largura da terra e cercaram o arraial dos santos e a cidade amada; mas desceu fogo do céu e os devorou. 10E o diabo, que os enganava, foi lançado no lago de fogo e enxofre, onde está a besta e o falso profeta; e de dia e de noite serão atormentados para todo o sempre".
Depois dos mil anos é que haverá o juizo final dos impios condenados pelos seus próprios feitos pecacaminosos quando "abrirem-se os livros", juntamente com "o diabo e seus anjos maus". Ai, então, é que aquelas nações gentílicas que já foram julgadas pelo Messias como o Rei dos Reis, (Mt 25.31-32) irão, definitamente para o "lago de fogo e enxonfre que é a segunda morte" (Mt 13.40-42, geena), como setenciou Jesus em: Mt 25.41, Então, dirá também aos que estiverem à sua esquerda: Apartai-vos de mim, malditos, para o fogo eterno, preparado para o diabo e seus anjos". Vejamos:

O 3º Julgamento - O Juízo Final dos incrédulos, diante do Grande Trono Branco, como está escrito em Ap.20:11-15, Trataremos agora do último julgamento do Trono Branco, isto é, o julgamento final do Deus Todo-Poderoso no contexto dos "Três Grandes Julgamentos", a saber: Ap 20.11-15, "11E vi um grande trono branco e o que estava assentado sobre ele, de cuja presença fugiu a terra e o céu, e não se achou lugar para eles. 12E vi os mortos, grandes e pequenos, que estavam diante do trono, e abriram-se os livros. E abriu-se outro livro, que é o da vida. E os mortos foram julgados pelas coisas que estavam escritas nos livros, segundo as suas obras. 13E deu o mar os mortos que nele havia; e a morte e o inferno deram os mortos que neles havia; e foram julgados cada um segundo as suas obras. 14E a morte e o inferno foram lançados no lago de fogo. Esta é a segunda morte. 15E aquele que não foi achado escrito no livro da vida foi lançado no lago de fogo".

i. A segunda ressurreição dos mortos condenados após o milênio. Após o milênio, haverá a ressurreição dos ímpios mortos para o julgamento final, diante do Grande Trono Branco, Ap 20.12. Este julgamento é absolutamente necessário e imprescindível. Deus fará prevalecer a Sua justiça! Todos serão julgados, individualmente, segundo as coisas que estiverem escritas “nos livros” (em memória), segundo as suas obras. Isto é, cada um receberá a graduação da pena eterna segundo às suas obras pecaminosas (Ap 20. vv.12,13). Deus ressuscitará os mortos, que não foram incluídos na primeira ressurreição, (Ler: Ap 20.4-6), com seus corpos naturais em pecado (não transformados), a fim de que sejam selados os seus destinos, apresentando-se diante do Senhor dos céus e da terra. Muitos o negaram em vida. Agora, ele os negará pela morte! Muitos amaram as suas próprias vidas, desprezando o evangelho santo e a cruz de Cristo. Agora perderão tudo! Nada lhes restará, senão a agonia do “lago de fogo e enxofre, que é a segunda morte”.

ii. A última colheiia da semeadura do pecado. Todo homem irá colher o que semeou (Gl.6:7,8). Entretanto, como ele escapará das conseqüências dos seus pecados, sem Cristo como Salvador? É por essa razão que haverá um último (e desesperadamente terrível) apelo, para que seja aberto “o Livro da vida” para que seja manifesto se o seu nome está ali, ou não! Quão angustiante, diante de Deus, não será esse momento!

iii. O Trono Branco onde será banido a presença do pecado. Na expressão do apóstolo João, o Trono é Grande, significando a grandeza da glória de Deus e do Seu grande poder em submeter a Si mesmo todas as coisas. É, também, “branco”, indicando que Aquele que nele se assenta é absolutamente puro e santo, que realiza a justiça, exerce o juízo, retribuindo a cada um o que fez, tanto aos homens, quanto aos anjos que hão de ser julgados, igualmente. Diante do Senhor, os céus e a terra fugirão da Sua presença! Aleluia! (2ª Pe.3:13 e Ap.21:1).

iv. O terrível lugar da eterna habitação de Satanás e dos anjos maus. Quão terrível é este lugar, “preparado para o Diabo e os seus anjos”. Lá já foram lançados o anticristo e o falso profeta (Ap.19:20); Satanás, o príncipe das trevas e o enganador de todo o mundo (Ap.20:10); a morte e o Hades serão lançados no lago de fogo (Ap.20:14); e os homens ímpios, que se recusarem ouvir a Palavra de Deus e o Seu testemunho, e não se arrependeram das suas obras (Ap.20:15).

Conclusão - Vimos acima os "Três Grandes Julgamentos" proferidos, soberamente, pelo Grande Juiz de Toda Terra, quando cada um dará conta de si mesmo a Deus. Em qual dos três você estará enquadrado? Cada um ficará descoberto e julgado, ou como salvo ou como condenado. Estamos todos descobertos diante do Senhor dos céus e da terra. Deve haver um sentimento de “temor”, porque Ele é maravilhosamente Santo e nada pode permanecer diante de Sua presença de forma imperfeita, ou incompleta, ou indigna do Seu nome. Mas, há também um sentimento de “confiança” no Seu sublime e eterno Amor, pelo qual Ele nos chamou e vocacionou para sermos participantes do Corpo de Cristo, a Igreja, a esposa do Cordeiro. Os cristãos remidos pelo sangue de Jesus não entrarão mais em juízo de condenção, por causa do nosso Salvador e Redentor Jesus Cristo, que tomou nossos pecados sobre Si na Cruz e nos lavou e purificou com o Seu Sangue! Como Jesus disse: "21Pois assim como o Pai ressuscita os mortos e os vivifica, assim também o Filho vivifica aqueles que quer. 22E também o Pai a ninguém julga, mas deu ao Filho todo o juízo, 23para que todos honrem o Filho, como honram o Pai. Quem não honra o Filho não honra o Pai, que o enviou. 24Na verdade, na verdade vos digo que quem ouve a minha palavra e crê naquele que me enviou tem a vida eterna e não entrará em condenação, mas passou da morte para a vida. 25Em verdade, em verdade vos digo que vem a hora, e agora é, em que os mortos ouvirão a voz do Filho de Deus, e os que a ouvirem viverão. 26Porque, como o Pai tem a vida em si mesmo, assim deu também ao Filho ter a vida em si mesmo. 27E deu-lhe o poder de exercer o juízo, porque é o Filho do Homem. 28Não vos maravilheis disso, porque vem a hora em que todos os que estão nos sepulcros ouvirão a sua voz. 29E os que fizeram o bem sairão para a ressurreição da vida; e os que fizeram o mal, para a ressurreição da condenação". Jo 5.21-26. (Ler: Rm 3.24-28; 1ª Pe 2.24; 1ª Jo 1.7).

Que as nossas vidas e toda o nosso ser, espírito, alma e corpo, (1ª Ts 5.23, "E o mesmo Deus de paz vos santifique em tudo; e todo o vosso espírito, e alma, e corpo sejam plenamente conservados irrepreensíveis para a vinda de nosso Senhor Jesus Cristo), glorifiquem a Deus, por ações, intenções e pensamentos, do modo mais puro e mais próximo possível, daquilo que o próprio Senhor Jesus praticou e ensinou. A Ele toda glória! Amém!

2 comentários:

Danilo Fernandes disse...

Ola Pastor Djalma!


Queria convidar você para conhecer o meu blog, o Genizah que horas é pirado e engraçado, horas é exaltado e sério, mas é super do bem e tem como regra levar o Evangelho da Liberdade Verdadeira e a Santa Subversão de Jesus ao mundo egocêntrico e perdido nos seus valores! E, ainda dando tempo, aproveito para tirar uma onda com este pessoal que anda explorando a fé das pessoas e ainda dizendo que são cristãos... Ops!

Por minha vez, já me tornei seu seguidor.

Abraços em Cristo e Paz!

Danilo


http://genizah-virtual.blogspot.com/

Djalma Pereira disse...

Obrigado prezado irmão Danilo pelo seu imoportante comentário... Vou acessar o seu blog para manter esse "elo" de comunhão em Cristo Jesus nosso Senhor.
Fraternalmnte em Cristo Jesus
Pr Djalma